VÍDEO: Depois de perder vice para a COVID, Enelvo debocha e cobra campeonato de futebol

09/06/2021 09h45 - Atualizado há 12 dias

O candidato considera um absurdo nenhum campeonato em cinco, cinco meses de governo Vandinha

Cb image default
Divulgação

Mesmo depois de ter contraído o COVID-19, ter sido tratado em hospital particular na capital paulista, coisa que a grande maioria dos sidrolandenses nem sequer sonha. Mesmo depois de ter perdido seu vice, Moacyr da Vacaria, a pouco mais de 48 horas, para o mesmo vírus, o candidato Enelvo Felini demonstra todo o seu negacionismo e despreocupação com vidas alheias e cobra a realização de campeonatos esportivos no município.

Para um grupo "ralo", onde poucos tiveram coragem de rir das "piadas", o candidato faz menção a campeonatos conduzidos pela CBF e COMEBOL, sem levar em conta a realidade do município e os 135 óbitos que enlutam famílias sidrolandenses.

Enelvo também faz deboche com a administração, afirmando que a mesma só pinta meio-fio, esquecendo que essa é uma marca registrada de suas duas únicas administrações, a maquiagem.

O candidato fala que são cinco meses, cinco meses, que a administração atual não organiza um único campeonato, como se isso não estivesse ocorrendo em todo o planeta, onde as poucas competições esportivas em disputa são profissionais e cercadas de todas as medidas de segurança higiênico-sanitárias.

O Município de Sidrolândia segue regras e padrões preconizados pela SECRETARIA DE ESTADO DE SAÚDE DE MATO GROSSO DO SUL, governo REINALDO AZAMBUJA, por sinal do PSDB, partido do candidato.

Veja, abaixo, o polêmico vídeo, que está provocando indignação em grande parte da população sidrolandense.