Câmara pode votar projeto que amplia número de doenças rastreadas pelo teste do pezinho

20/03/2021 09h23 - Atualizado há 1 mês

Entre os itens em pauta está também a MP que prevê recursos para entrega de cestas básicas a indígenas e quilombolas

Cb image default
Divulgação

A Câmara dos Deputados poderá votar, na terça-feira (23), o projeto que amplia o número de doenças rastreadas pelo teste do pezinho, realizado com a coleta de gotas de sangue dos pés do recém-nascido. A sessão do Plenário está marcada para as 15 horas.

A iniciativa consta do Projeto de Lei PL 5043/20, do deputado Dagoberto Nogueira (PDT-MS). Atualmente, o Sistema Único de Saúde (SUS) realiza um teste que engloba seis doenças. De acordo com o substitutivo preliminar da relatora, deputada Marina Santos (Solidariedade-PI), o exame passa a englobar 14 grupos de doenças de forma escalonada.

As mudanças feitas pelo projeto entrarão em vigor 365 dias após sua publicação.

Reportagem – Eduardo Piovesan

Edição – Pierre Triboli

Fonte: Agência Câmara de Notícias