Procon estadual autua Mercado Pago por falha na entrega de diferentes tipos de mercadorias

20/11/2020 07h48 - Atualizado há 12 dias

O valor da multa chegou a mais de 79 mil reais

Cb image default
Entregas são feitas com atraso e outros produtos ainda nem são entregues - Divulgação / Procon-MS

Brenda Machado

O aplicativo de compras da internet, Mercado Pago Representações Ltda, foi atuado pela Superintendência para Orientação e Defesa do Consumidor (Procon-MS) por falhas sequenciais na entrega de mercadorias.

O aplicativo é a plataforma usada para efetuar pagamentos de compras feitas por meio do site Mercado Livre.

Em relação à multa, o valor total foi de 2.310 Uferms, correspondente a unidade fiscal de referência em Mato Grosso do Sul, que atualmente está fixada em R$34,23.

Transformado em números de hoje, o valor cobrado foi de R$79.071,30 mil.

Acompanhe as últimas notícias

A autuação foi possível depois que o Procon do estado recebeu diversas denúncias de excesso de demora na entrega e até de não recebimento dos produtos adquiridos.

Segundo os denunciantes, mesmo tendo pago pelas respectivas mercadorias, a entrega acontecia já com prazo estourado, sem contar aqueles que nem receberam.

A maior parte das reclamações é referente a eletrodomésticos, como geladeiras, freezers, máquinas de lavar e secar roupas ou louças, microcomputadores e fornos de micro-ondas.

Além destes, mercadorias como acessórios para veículos e aparelhos de telefonia também estão na lista.

Conforme informações, devido à insistência em cobrar uma explicação da empresa, os responsáveis pelo aplicativo passaram a não atender mais as ligações dos consumidores.

CORREIO DO ESTADO