Mulheres filmadas em banheiro de secretaria de prefeitura tiveram vídeos publicados em sites pornôs

21/07/2021 15h08 - Atualizado há 6 dias

Servidor da prefeitura foi preso suspeito de filmar as mulheres

Cb image default
Divulgação

Servidor da Prefeitura de Paraíso da Águas, distante 277 km da Capital, foi preso em flagrante nesta terça-feira (21) suspeito de filmar mulheres no banheiro da Sedemat (Secretaria de Desenvolvimento Econômico, Meio Ambiente e Turismo) do município e divulgar as imagens em um site pornô. As gravações descobertas deram início à Operação Ox in the Bathroom, da Polícia Civil de três cidades.

O crime foi descoberto após uma das vítimas, moradora da cidade de Itumbiara (GO), informar que, durante os dias que ministrou curso na secretaria, em 2019, teve sua intimidade exposta na internet. Ela estava seminua no banheiro da secretaria e descobriu que o vídeo circulava em um site de pornografia, sem seu consentimento.

O banheiro era o único disponível na Sedemat, o que levou a polícia a investigar o perfil utilizado pelo site de pornografia, apelidado de “Putzboi”. As investigações apontaram que havia imagens de mais quatro vítimas, que foram filmadas no mesmo banheiro, em ângulos diferentes.

Os policiais suspeitaram que a autoria do crime era de alguém que fizesse parte da Secretaria. Dessa forma, foi feita representação por mandado de busca e apreensão na casa de suspeitos. Os vídeos e fotos foram encontrados nos computadores usados por um deles em sua residência e na própria Secretaria – que também foi alvo de cumprimento de buscas.

O funcionário público foi preso em flagrante, e na casa dele também foi encontrada uma pistola da marca Taurus, calibre .380, municiada e com registro vencido, em nome de outra pessoa.

Danielle Errobidarte

MIDIAMAX