Inter goleia o Flamengo-SP e se classifica para a terceira fase da Copa São Paulo

14/01/2022 08h24 - Atualizado há 5 dias

Colorado vai encarar a Portuguesa, sábado, na próxima etapa da Copinha

Cb image default
Jota Finkler / Inter/Divulgação

O Inter confirmou o favoritismo, goleou o Flamengo-SP por 3 a 0 na noite desta quinta-feira (13) e garantiu vaga na terceira fase da Copa São Paulo de Futebol Júnior. Os gols da partida foram marcados por Estêvão, logo no início do primeiro tempo, por Lucca, aos 10, e Jonathan, aos 19 minutos da etapa final.

Na próxima fase do torneio, o Inter vai reencontrar a Portuguesa, que eliminou o Avaí, mas foi derrotado pelo time colorado por 2 a 1 na fase de grupos. A Federação Paulista de Futebol ainda não confirmou o horário e o local da partida, mas ela será realizada neste sábado (15).

O técnico João Miguel escalou o time com algumas surpresas. Manteve entre os titulares o lateral-direito Guilherme Varjão, o zagueiro João Felix e o meia-atacante Matteo, que fizeram grande partida na vitória do time reserva sobre o União Mogi, na última rodada da fase de grupos.

Na prática, dentro de campo, era possível observar desde o início um Inter que queria controlar a bola e, quando perdia a posse, pressionava para retomá-la o mais rápido possível. Foi assim que surgiu o primeiro gol, logo a 6 minutos. Matteo desarmou próximo da área adversária e tocou para Estêvão. O camisa 11 dominou, ajeitou e bateu rasteiro, de fora da área, no canto direito do goleiro para abrir o placar em Mogi das Cruzes.

Mesmo após o gol, a estratégia do Inter se manteve a mesma. A equipe trocava passes e fazia a famosa pressão pós-perda quando o Flamengo-SP tinha a posse. Mas o gramado molhado do estádio Nogueirão, devido à chuva na cidade ao longo do dia, era uma ameaça para a ideia de jogo colorado. O time de Guarulhos também passou a marcar com as linhas mais altas para tentar ameaçar os gaúchos.

Aos 26, Jonathan fez boa jogada pela esquerda e tocou para Lucca, que bateu de primeira para boa defesa de Thiago. Depois desse lance, quem passou a buscar o ataque foi o time paulista, especialmente em chutes de fora da área ou bolas alçadas na área, mas sem assustar o goleiro Lucas Flores.

Nos acréscimos do primeiro tempo, Estêvão fez grande jogada, deu um chapéu no marcador e lançou Allison, que invadiu a área, mas errou na hora da definição. O camisa 11, autor do gol e capitão do time pela primeira vez na Copinha, falou na saída para o intervalo:

— Primeiro queria agradecer a Deus pelo gol. É uma honra estar com a braçadeira de capitão dessa equipe. Começamos bem, tivemos uma queda de ritmo, o que não pode acontecer, mas agora é voltar para o segundo tempo, buscar mais gols e classificar.

Na etapa final, o Inter buscou os lados do campo para tentar ampliar a vantagem. E foi assim que surgiu o segundo gol. Após cobrança de escanteio de Estêvão, a bola atravessou a área e sobrou para Allison, que jogou na área para o centroavante Lucca. O camisa 9 colorado dominou com a perna direita e bateu com a esquerda, aos 10 minutos, para fazer o 2 a 0.

Mesmo com o placar favorável, a equipe colorada não parou de buscar o gol. Aos 19, Jonathan recebeu bom passe na esquerda, cortou duas vezes o marcador e bateu cruzado, de perna esquerda, superando o goleiro Thiago: 3 a 0.

Para descansar alguns jogadores, o técnico João Miguel tirou Lucas Ryan e Bizescki, aos 24, e depois Jonathan e Lucca, aos 31. Entraram: Rangel, Lukayan, Adriel e Leonardo. E, apesar das mudanças, era o Inter que seguia no ataque.

O Flamengo-SP arriscou chutes de fora da área, todos sem perigo. No final da partida, ainda ingressaram Vitinho e Samuel nas vagas de Allison e Matteo. Mas o placar seguiu o mesmo. E, assim, o time colorado avança de fase e segue em busca do hexa da Copinha.

LUÃ HERNANDEZ

GZH COLORADO