Mais de 16 mil não foram imunizados às vésperas do fim da campanha contra gripe

29/06/2020 09h40 - Atualizado há 7 dias

Campanha de vacinação contra a gripe começou em abril

Cb image default

Crédito: A. Frota

Mais de 16 mil douradenses ainda não foram vacinados contra a gripe, embora a campanha nacional de imunização tenha encerramento previsto para terça-feira (30). No município, o público-alvo é composto por 72.727 pessoas, mas apenas 56.637 doses foram aplicadas, cobertura vacinal de 77,8%.

Esses dados, correspondentes a esta segunda-feira (29), constam no Vacinômetro do Ministério da Saúde e revelam ainda que apenas dois grupos prioritários atingiram a meta estabelecida.

Entre os idosos, embora fossem 18.231 os almejados pela campanha, houve 22.490 doses aplicadas (123,36%), porque o total corresponde à soma das vacinas administradas em pessoas de 60 anos ou mais de grupos também compostos por profissionais de saúde e indígenas.

Foram justamente os trabalhadores da saúde o outro público-alvo que atendeu ao chamado do Ministério da Saúde e das autoridades municipais. Houve 8.193 imunizações em uma população de 7.545 pessoas, o que fez a cobertura vacinal atingir 108,59%.

Entre as crianças, com 17.910 indivíduos, apenas 11.069 receberam as doses (61,80%), total correspondente às vacinas aplicadas em crianças indígenas e não indígenas, de seis meses a quatro anos de idade.

Dos 8.308 adultos com idade entre 55 e 59 anos, 5.008 foram vacinados (60,28%).

De 2.918 gestantes, 1.443 foram imunizadas (49,45%), e das 480 puérperas (mulheres no período de até 45 dias após o parto), 253 doses foram aplicadas (52,71%).

Na população indígena, composta por 17.335 pessoas, houve 8.181 imunizadas, cobertura vacinal de 47,19%.

Por André Bento

DOURADOS NEWS